Ceviche de coco fresco

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ingredientes:
coco fresco
cebola roxa
pimenta dedo de moça
coentro
alho poró
cebolinha
tomate
limão siciliano
azeite
sal

Procedimento
Retire a polpa do coco com uma colher de sopa e pique em pedaços grandes. Misture em uma tigela os pedaços de polpa de coco, a cebola roxa, pimenta dedo de moça, coentro, alho poró, cebolinha, tomate. Tempere com sal, pimenta e azeite de oliva. Regue com suco de limão siciliano e misture bem. Espere marinar alguns minutinhos antes de servir e voilá.

Classificação da Receita: VEGANA – SEM GLÚTEN – SEM AÇÚCAR 

AZUL. Infusão de flores de feijão borboleta

P_20171230_203818_1.jpg

O feijão borboleta, mais conhecido como Clitória (devido a semelhança da flor com o clitóris) é uma PANC cultivada frequentemente para fins ornamentais e para o preparo de remédios caseiros. Ela também, devido a sua vibrante cor azul, possui um poderoso corante.

Você pode fazer um chá delicioso com os seguintes ingredientes:
Flores de clitória 
Gojiberry 
Cúrcuma 

E no que mais sua imaginação quiser brincar.

Também é um ótimo corante para bolos, arroz, bebidas em geral. Possui um sabor neutro.

Sabih

Sabih. Um.prato de influencia iraquiana. Uma camada de batata assada cortada em fatias grossas. Uma camada de berinjela grelhada. Ovos. Creme de tahine divino. Coentro e especiarias polvilhadas. Absolutamente saboroso.

P_20171228_155317.jpg

Preparo: 
Corte a batata assada, unte com sal azeite ou algum óleo de sua preferência e leve ao forno até dourar. Enquanto isso você pode grelhar a beringela, pode cortar da maneira de sua preferência, rodelas ou em fatias pequenas também.
Para finalizar faça uma camada com a batata assada, por cima a beringela grelhada, coloque por cima ovos cozidos partidos ao meio. Adicionar uma colher de Tahine.
Tempere a gosto com coentro e as especiarias que desejar!

Classificação da Receita – VEGETARIANA – SEM GLÚTEN

Tom Kha – Mingau com leite de coco

Veja o passo-a-passo da receita no slide abaixo;

Este slideshow necessita de JavaScript.


1) corte um pedaço de galanga com casca em rodelas de tamanho de uma moeda. (substitua por gengibre)
2) pique as folhas de kaffir lime com as mãos (substitua por folhas de limão)
3) corte os talos de lemongrass (substitua por erva doce)
4) corte uma echalote em quatro (substitua por cebola roxa pequena)
5) coloque uma pimenta dedo de moça inteira
6) corte o tofu em cubos médios
7) coloque uma concha de leite de coco caseiro grosso e leve a fervura
8) acrescente os legumes e tofu picados
9) coloque uma colher de açúcar de coco ou demerara
10) deixe cozinhar por alguns minutos e está pronto.

Classificação da Receita: VEGANA – SEM GLÚTEN

Som Tum Thai – Salada de mamão verde Tailandesa

Veja o passo-a-passo da receita no slide abaixo;

Este slideshow necessita de JavaScript.

1) descascar e ralar o mamão verde. (Este era um tipo que não tem nada de latex!). A técnica ensinada era bater a faca e ir fazendo cortes na polpa dura e depois passar o descascador. Assim se obtém tiras bem finas. Adorei!!!
2) num pilão colocar DEZ dentes de alho com casca e tudo
3) cortar 2 tomates pequenos no meio e colocar também no pilão
4) uma pimenta dedo de moça inteira
5) um limão cortado com casca e tudo
6) uma vagem diferente, comprida e bastante durinha, (acredito que pode ser substituída por aquela vagem de metro)
7) uma colher sopa de açúcar de palma (tem no Brasil, usamos no último#cursovivencial dos #5movimentos 😉☝️)
8) espremer os pedaços de limão com a mão
9) colocar o que sobrou no pilão, as cascas com o resto de polpa
10) socar suavemente tudo para o limão e o tomate irem soltando os líquidos e a pimenta e o alho serem prensados de leve.
11) finalmente acrescentar o mamão verde ralado, socar só um pouco e misturar tudo ajudando com uma colher.
12) servir com amendoins torrados por cima

Esta é a versão vegetariana. A original leva camarões secos por cima e caldo de peixe

 

Classificação da Receita: VEGANA – SEM GLÚTEN

Creme de frutas sem açúcar

Ingredientes:  
P_20171215_085734_1.jpgPolpa de coco verde
Abacaxi
Morangos

Preparo:
Corte todos os ingredientes, coloque as fatias de abacaxi por baixo para ser mais fácil de bater, logo adicione a polpa do coco e os morangos. Agora é só bater e está pronto para comer e ser feliz. O açúcar das frutas já o deixa docinho naturalmente!

 

Classificação da receita: VEGANA – SEM GLÚTEN – SEM AÇÚCAR 

Torta de maçã e nozes sem glúten

ingredientes: 
1 maçã verde24852512_1510762432305320_1706249726355528028_nsuco de ½ limão2 maçãs fuji120 ml de água
¼ xícara (chá) de óleo de girassol
6 colheres (sopa) de açúcar mascavo
100g de uva passa branca hidratada (em água por 30 minutos)
100 g de nozes picadas caramelizadas
2 xícaras (chá) de preparado de farinhas sem glúten
1 colher (sobremesa) de bicarbonato de sódio
1 colher (sobremesa) de fermento em pó
canela a gosto

preparo:
cortar a maçã verde (com casca) em cubos e acrescentar o suco de limão, uma
pitada de canela, 1 colher (sopa) de açúcar mascavo, 1 colher (sopa) de preparado
de farinhas sem glúten e deixar marinando por aproximadamente 20 min (reservar)
cortar as maçãs fuji (com casca) em cubos e bater no processador juntamente com
a água, o óleo e o açúcar mascavo restante (não triturar totalmente e reservar)
picar as nozes e levar ao fogo com açúcar mascavo a gosto para caramelizar
(reservar)
peneirar os ingredientes secos (farinha, bicarbonato, canela a gosto e fermento em
pó), acrescentar o processado de maçãs fuji e mexer bem. Acrescentar a maçã
verde marinada, as uvas passas hidratadas e as nozes caramelizadas e mexer
para homogeneizar a massa
colocar em forma untada com óleo de girassol, canela e açúcar mascavo a gosto
assar em forno pré-aquecido na temperatura de 180ºC por aproximadamente 45
minutos a 1 hora e desenformar ainda quente

classificação da receita:  VEGANA- SEM GLÚTEN – SEM LACTOSE 

*Preparado de farinhas sem glúten
– 2 xícaras (chá) de farinha de arroz
– 1 xícara (chá) de fécula de batata
– ½ xícara (chá) de polvilho doce

Pão sem glúten de farinha de uva

paoagua

ingredientes: 
2 colheres (sopa) de linhaça dourada, 1 e ½ xícara (chá) de leite de arroz (morno), 2
colheres (sopa) de azeite, 2 colheres (sopa) de açúcar de coco, ½ colher (chá) de sal, 1
colher (sopa) de vinagre de maça, 2 e ¾ xícara (chá) de preparado de farinhas sem glúten, ½ xícara (chá) de farinha de uva, ¼ xícara (chá) de farinha de linhaça marrom, ¼ xícara (chá) de gergelim preto, ¼ xícara (chá) de semente de girassol, 2 colheres (chá) de
fermento biológico

preparo:
ferver a linhaça por 10 minutos em fogo brando e separar o gel formado (reservar)
colocar no liquidificador o fermento biológico, o açúcar e o leite vegetal morno
acrescentar os demais ingredientes (gel de linhaça, azeite, sal, vinagre, farinha
sem glúten, farinha de linhaça), bater até a massa ficar homogênea (se necessário
acrescentar mais leite vegetal morno), acrescentar e misturar os grãos (gergelim e
semente de girassol)
deixar crescer no mínimo por 3 horas
assar em forno pré-aquecido na temperatura de 180-200ºC por aproximadamente
uma hora

classificação da receita:  VEGANA- SEM GLÚTEN – SEM LACTOSE 
*Preparado de farinhas sem glúten
– 2 xícaras (chá) de farinha de arroz
– 1 xícara (chá) de fécula de batata
– ½ xícara (chá) de polvilho doce

Pão sem glúten de beterraba e quinoa vermelha

paofogo
ingredientes: 
2 colheres (sopa) de linhaça dourada (substituto do ovo)
2 xícaras (chá) de leite de
castanha de caju (ou outro leite vegetal de sua escolha)
2 colheres (sopa) de azeite
2 colheres (sopa) de açúcar de coco
1/2 colher (chá) de sal, 1 colher (sopa) de vinagre de maça
2 xícaras (chá) de preparado de farinhas sem glúten
1 ½ xícara (chá) de quinoa vermelha
1 xícara (chá) de beterraba em pó
2 colheres (chá) de fermento biológico

paofogo2

preparo:
lavar e deixar de molho a quinoa vermelha por 4-6 horas (reservar)
ferver a linhaça por 10 minutos em fogo brando e separar o gel formado (reservar)
colocar no liquidificador o fermento biológico, o açúcar e o leite vegetal morno
acrescentar os demais ingredientes (gel de linhaça, azeite, sal, vinagre, farinha
sem glúten, quinoa vermelha e beterraba em pó) bater até a massa ficar
homogênea (se necessário acrescentar mais leite vegetal morno)
deixar crescer no mínimo por 3 horas
assar em forno pré-aquecido na temperatura de 180-200ºC por aproximadamente
uma hora
classificação da receita:  VEGANA- SEM GLÚTEN – SEM LACTOSE
*Preparado de farinhas sem glúten
– 2 xícaras (chá) de farinha de arroz
– 1 xícara (chá) de fécula de batata
– ½ xícara (chá) de polvilho doce

Conheça o coração da bananeira

coraçãoNos tempos atuais estamos sendo cada vez mais encorajados a redescobrir novos lugares nos nossos hábitos alimentares, ingredientes já quase esquecidos voltam a instigar nossa criatividade, nossa vontade de inovar nossos pratos e sabores. Um ingrediente exótico e belo que vem chamando a atenção é o coração da bananeira. Aqui ensinaremos formas de preparo para usar como base em diversas receitas!

1) Ao abrir as folhas do coração você encontrará diversas florzinhas em várias camadas, separe as flores em um recipiente com água e limão (é importante para que não fiquem escuras e para que já comecem a perder um pouco do amargor)
2) Mais ou centro do coração, quando forem acabando as folhas, existe algo similar a um palmito. Fatie e também deixe-o na água com limão junto com as flores.
3) Coloque as flores e o “palmito” para cozinhar em água fervente
4) Como o coração da banana é muito amargo é necessário trocar a água de cozimento algumas vezes. Você pode ter duas panelas para ir intercalando. É importante trocar de água pelo menos 2 vezes ou até diminuir o amargor.
5) Ao final, escorra a água e está pronto para ser utilizado!

O coração pode ser servir de base para muita receitas, pode ser usado em saladas, refogados, recheios… É só explorar sua criatividade!

Ketchup caseiro e natural

ketchupingredientes: 

3 xícaras (chá) de pasta de tomate orgânico*
¼ xícara (chá)de vinagre de maça (kefir de água)
¼ xícara (chá) de melado de cana
¼ colher (chá) de pimento caiena
3 dentes de alho amassados
2 flores de cravo da índia
½ colher (chá) de canela
1 pitada de pimenta do reino moída na hora
1 pitada de noz moscada ralada
1 pitada de gengibre em pó ou ½ colher (chá) de gengibre fresco
Sal a gosto

preparo:

  • Bater tudo no liquidificador e colocar em um recipiente de vidro limpo e esterilizado. Deixar a temperatura ambiente por 48h. Conservar em geladeira.

*pasta de tomate: cozinhar os tomates (italianos orgânicos) até a pele rasgar e passar em peneira.

classificação da receita: VEGAN – SEM AÇÚCAR – SEM GLÚTEN – SEM LACTOSE 

 

Maionese de Couve-Flor

maionese de couve flor


ingredientes: 

2 unidades pequenas de couve-flor
½ xícara (chá) de azeite
1 dente de alho sem o miolo
suco de 1 limão siciliano
sal e pimenta a gosto

 


preparo:

  • cozinhar a couve-flor (somente os buquês) até desmanchar
  • adicionar a couve-flor cozida e os demais ingredientes pouco a pouco no liquidificador e bater até ficar uma pasta homogênea
  • colocar em um recipiente de vidro limpo e esterilizado.
  • conservar em geladeira.

classificação da receita: VEGANA – SEM GLÚTEN – SEM LACTOSE – SEM AÇÚCAR – MOVIMENTO FOGO

 

***baseado no site presuntovegetariano.com.br

Quinoa Preta com Uvas-Passas brancas

B3839

ingredientes: quinoa preta, amaranto, cebola, salsinha, cebolinha, alho, uva-passa branca, páprica picante, azeite, sal.

preparo: 

  • colocar 1/2 xícara de quinoa preta e 4 colheres de sopa de amaranto em grãos de molho num recipiente de louça ou vidro; deixar pelo menos 40 minutos para hidratar;
  • coar num coador muito fino ou descartar a água de molho com cuidado pois os grãos da quinoa são muito pequenos;
  • numa panela colocar a quinoa hidratada e acrescentar cebola em flocos desidratada, alho em láminas, tempero verde desidratado (cebolinha, salsinha ou outros); pode usar no lugar dos temperos desidratados a cebola e o alho crus;  temperar com sal a gosto e refogar com um fio de azeite; acrescentar páprica picante ou outros temperos a gosto;
  • acrescentar 1 xícara de água e deixar cozinhar a fogo baixo e com tampa durante 40 minutos aproximadamente; se secar ir colocando água pois a quinoa preta pode demorar mais para cozinhar; observar os grãos da quinoa para ver o ponto de cozimento até eles abrirem;
  • acrescentar 1/2 xícara de uvas-passas brancas
  • servir quente.

observação: quando seguindo o Programa Alimentar de 5 fases, pode ser incluído já desde a 1a fase.

classificação da receita:   VEGETARIANA – SEM GLUTEN – SEM AÇÚCAR – SEM LACTOSE  – RECEITA MÉDICA